sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Lição importante sobre o amor

"Nossos companheiros de caminhada, nossos amantes e amigos não vêm para nossa vida para suprir nossas carências, porque carência é carência não é amor.
Para receber o amor de alguém e compartilhar de verdade, precisamos saber quem somos e ter o que oferecer sem esperar receber na mesma proporção.
Muita gente se afasta e deixa de investir em um relacionamento quando se depara com dificuldades, mas estas compõem um trajeto importante na caminhada de lapidação num relacionamento afetivo.
Enfim, é necessário praticar o amor, dentro e fora de nós, aprendes a criar laços de amor que nos ajudem expandir aquilo de bom que temos.
Você não muda o outro nem suas escolhas, mas pode mudar a si e viver muito mais feliz. Acredite".

A imagem “http://2.bp.blogspot.com/_GzPupnfaq6o/RsY8fXUguzI/AAAAAAAAAQs/u2zhRoal9tU/s400/070818_expo12.jpg” contém erros e não pode ser exibida.

Amar faz bem!

Convido vocês a vivenciar, buscar e refletir sobre o amor, sentimento que não é apenas uma qualidade específica da alma mas um poderoso elemento que interfere nas escalas intelectuais, emocionais e entrísecas de todo ser humano.

O amor!
"Amai-vos uns aos outros, mas não façais do amor um grilhão.
Que haja, antes, um mar ondulante entre as praias de vossa alma.
Enchei a taça um do outro, mas não bebais da mesma taça.
Dai do vosso pão um ao outro, mas não comai do mesmo pedaço.
Cantai e dançai juntos e sede alegre, mas deixai cada um de vós estar sozinho, assim como as cordas da lira são separadas e, no entanto, vibram a mesma harmonia.
Dai vosso coração, mas não confieis a guarda um do outro, pois somente a mão da vida pode conter vosso coração.
E vivei juntos, mas não vos aconchegueis demasiadamente, pois as colunas do templo erguem-se separadamente e o carvalho e o cipreste não crescem à sombra um do outro" (Gibran)